Tourist Information Guide

A Clássica Cadeira Barcelona e o Pavilhão por Ludwig Mies Van Der Rohe

Page Content

Esse artigo dará uma visão geral da história da Clássica Cadeira Barcelona, de Mies Van Der Rohe, e como e por que se tornou um desenho clássico moderno, desejada no mundo inteiro.

Também iremos dar fotos do Pavilhão de Mies, onde a famosa Cadeira Barcelona está.

Como uma simples cadeira ficou tão famosa? Por que é tão difícil encontrar a Cadeira em lojas e onde comprá-la? As respostas para essa pergunta estão nesse artigo, então vá em frente.

A famosa Cadeira Barcelona por Mies
As Cadeiras Barcelona de Mies Van Der Rohe no Pavilhão em Barcelona que foram usadas como tronos reais

A história da Cadeira Barcelona começou com um homem chamado Mies Van Der Rohe lá em 1929. Mies, alemão, nasceu em 1886 e se tornou um dos principais arquitetos modernistas de sua época.

Mies foi, durante um curto período de tempo nos anos 1930, diretor da renovada escola de design na Alemanha, a Bauhaus. Como muitos arquitetos, ele entendia a importância de usar a mobília correta para complementar o objetivo do prédio, se deveria haver harmonia no desenho. Portanto o trabalho de Mies com arquitetura o levou ao desenho de mobílias.

Em 1929 Barcelona hospedou a Feira de Artes Mundial, e o governo alemão encarregou Mies de desenhar o Pavilhão Alemão em Montjuïc como parte da exposição.

O Pavilhão desenhado por Mies
O Pavilhão de Mies Van der Rohe em Barcelona possui 2 cadeiras desenhadas para o rei e rainha da Espanha.

Com o Pavilhão, Mies teve êxito em sua visão de um prédio moderno com fluxo espacial livre, construído com vidro, aço e três tipos de mármore. Porém, uma vez que criou o prédio, sua mente focou em desenhar a mobília que seria usada. Criar mobília pode parecer uma tarefa simples comparada com construir um prédio inteiro, você pode pensar, mas não de acordo com Mies:

“A cadeira é um objeto bem difícil. Todo mundo que já tentou fazer uma sabe disso. Existem inúmeras possibilidade e muitos problemas -a cadeira deve ser leve, deve ser forte e deve ser confortável. É quase mais fácil construir um arranha-céu do que uma cadeira.” - Mies 1930

A Exposição era uma feira mundial, um evento importante, com a presença da realeza espanhola e oficiais do governo europeu. Mies compreendia totalmente a importância da ocasião.

Ele sabia que o que deveria desenhar era “uma cadeira importante, uma cadeira elegante e cara. Deveria ser monumental. Eu não podia simplesmente usar uma cadeira de cozinha.”- Mies 1929

Mies estava certo e, de fato, a cadeira serviu como trono para o Rei e Rainha da Espanha quando eles visitaram o Pavilhão. No época as Cadeiras Barcelona eram a única mobília no prédio inteiro.

Exibição de água no Pavilhão Mies em Barcelona
Dentro do Pavilhão em Barcelona

O Pavilhão alemão foi derrubado 6 meses depois da Exposição, mas foi reconstruído posteriormente em 1983 em seu local original em Montjuïc na Av. Marques de Comillas.

Desse começo promissor as Cadeiras Barcelona rapidamente se tornaram símbolo de status, ícones de design parecidos com a “Cadeira Wassily” de Breuers. Esses exemplos foram sucessos instantâneos graças a fluidez e atemporalidade do design. O conceito da Cadeira Barcelona pode ser comparado atualmente com o I Mac no mundo dos computadores, ambos são peças de uma escultura de designer, sem esconder sua função verdadeira.

A Cadeira Barcelona, nomeada por conta de seu primeiro uso e por ter se tornado famosa em Barcelona, tem aumentado suas vendas e produção no mundo inteiro. Mies redesenhou a cadeira original em 1950 para usar aço inoxidável, que se tornou disponível por conta de um avanço recente da tecnologia.

Construir a moldura da cadeira em aço inoxidável significava que toda a moldura agora poderia ser feita de um pedaço único de metal fluído. Porém, Mies era para ser um designer da Bauhaus, alguém que acreditava em mobílias funcionais, que poderiam ser produzidas em massa por trabalhadores (parecido com o que a Ikea se tornou internacionalmente bem-sucedida atualmente), e dentro disso há a contradição de que a Cadeira Barcelona é cara e difícil de se produzir.

Na verdade, o fato da produção da Cadeira Barcelona clássica ser assim faz com que seu preço varie de $600,00 até $3.000.

Porém você está pagando por um item icônico e facilmente reconhecível. Na verdade, você também pode encontrar versões de banquetas e sofás, nenhuma foi desenhada por Mies, mas seguem as regras de design da Cadeira Barcelona, por exemplo, tem os mesmos pés e seu estofamento quadrado. Esses pedaços de mobília Barcelona são facilmente encontrado online, e geralmente estão disponíveis em preto ou creme.


Dica Para a Cadeira Barcelona ser produzida exatamente de acordo com as especificações originais de Mies, ela deve ser produzida pela empresa alemã Knoll Studio, que adquiriu os direitos de fabricação exclusivos de Mies em 1953. Todas as cadeiras possuem o logo da Knoll Studi e a assinatura de Mies estampada na moldura, então é fácil distinguir o real da imitação.


Algumas das mobílias que a Knoll vende é sujeita a uma pequena taxa de direito autoral paga ao MoMA por alguns dos desenhos de Mies. Portanto, ao comprar algo da Knoll você dá um pouco de retorno para o mundo da arte.

A Cadeira Barcelona não está disponível nas lojas por conta do custo de produção, e porque a maioria das pessoas quer pedir cadeiras com as cores e couro que preferirem. Porém, algumas lojas têm em estoque a cadeira em Barcelona. Essas lojas também possuem itens parecidos na mesma coleção, como a banqueta e o sofá.


Lojas com a Clássica Cadeira Barcelona em estoque

En Linea Barcelona
Córsega, 284
08008 Barcelona, España.

Metrô: Diagonal, (Linha Azul, L5) ou (Linha Verde, L3)
Estacionamento Estacionamento perto da En Linea Barcelona perto da Casa Milà de Gaudí
Tel: +34 93 415 1212
Site: En Linea


Mas se você só quer ver a Cadeira Barcelona, então recomendo visitar o Pavilhão que possui duas cadeiras posicionadas como quando foram usadas como tronos reais.


Pavelló Mies Van Der Rohe
Avinguda Francesc Ferrer i Guàrdia 7
Parc de Montjuïc
08038 Barcelona, España.

Metrô España (Linha Verde, L3) ou (Linha Vermelha, L1)
Estacionamento Estacionamento perto do Pavelló Mies Van Der Rohe perto da Fonte Mágica de Montjuïc
Tel: +34 93 215 1011
Site: www.miesbcn.com
Horário de Visita: Segunda-feira - Domingo: 10:00 - 18:00
Custo: €5,00, Estudantes: €2,60


Esse artigo deu um pequeno pedaço da história de Barcelona, assim como um resumo de uma parte importante da história do design de mobília em Barcelona. Tanto a Clássica Cadeira Barcelona e o Pavilhão hoje são parte permanente da rica cultura de Barcelona e merecem serem visitados.


Voltar ao Topo da Página